Noite Favorita
Presidente da Argentina envia Projeto de Lei para legalizar aborto ao Congresso
Divulgação/Reprodução
(Foto: Carta Capital)

O presidente da Argentina, Alberto Fernández, anunciou na tarde desta terça-feira, 17, que enviará ao Congresso Nacional dois projetos relacionados à saúde das mulheres do país. O primeiro institui políticas públicas de acompanhamento a gestantes durante a gravidez e os primeiros anos de vida dos bebês e o segundo legaliza o aborto no território nacional. “A criminalização do aborto só fez com que eles ocorressem de forma clandestina em quantidades preocupantes”, afirmou o presidente, que disse sempre ter se comprometido com o acompanhamento de mulheres grávidas e com o cuidado da saúde daquelas que querem interromper a gestação. Fernández afirmou também que o Estado não deve se desagregar de nenhuma das realidades das mulheres.

Para embasar o projeto de lei, o presidente trouxe dados sobre hospitalizações feitas após complicações de abortos clandestinos. Segundo ele, mais de 38 mil internações são feitas anualmente. “Desde a recuperação da democracia mais de 3 mil mulheres morreram por essa causa. A legalização do aborto salva a vida das mulheres e preserva a capacidade reprodutiva delas, que muitas vezes é afetada por esses abortos inseguros. Ela não aumenta nem promove a quantidade de abortos, só resolve um problema de saúde pública”, disse. Além de detalhes sobre o projeto do aborto, Fernández anunciou uma série de benefícios sociais voltados às mulheres que desejam ter os filhos gerados e políticas igualitárias contra violência de gênero.

Leia também
Polêmica redes sociais

Contra “censura” do Twitter, conservadores migram para rede social alternativa

Sob a premissa de promover uma plataforma que respeite a liberdade de expressão, a Parler tem atraído conservadores …

Há 1 semana atrás - 105
Mundo

Se vencer na Geórgia, Biden terá delegados suficientes para ser eleito

Apuração ainda não terminou no estado. Se vencer na Geórgia, Biden chegará a 280 votos no Colégio Eleitoral …

Há 3 semanas atrás - 1125
Mundo

EUA vão às urnas para decidir entre Donald Trump e Joe Biden

  Quase 100 milhões votaram com antecedência, um recorde. Estabelecimentos usaram tapumes temendo confrontos entre eleitores Em uma …

Há 3 semanas atrás - 1087