Noite Favorita
Ibama usou 55% do orçamento de combate a queimadas
Divulgação/Reprodução

Pantanal e Amazônia enfrentam recordes de incêndios.

Em 2020, ano com recordes de queimadas, o Ibama executou 55% dos recursos reservados para prevenção e combate a queimadas.

Dos R$ 17,3 milhões empenhados, foram efetivamente pagos R$ 9,6 milhões em 2020.

Em 2019, o orçamento para esse programa era quase duas vezes maior: R$ 34,1 milhões.

Os dados foram enviados nos últimos dias ao deputado Ivan Valente, do PSOL de São Paulo, após um requerimento de informações.

Na Amazônia, as queimadas costumam ser mais intensas na seca, entre os meses de maio a setembro, o que torna a aplicação de recursos prioritária nessa época.

Recentemente, o Ibama registrou que a área queimada no Pantanal em 2020 passou de 2,3 milhões de hectares, o que representa mais de 10% de sua cobertura.

Segundo o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), o Pantanal de Mato Grosso atingiu o maior número de focos de calor em dez anos, com 25 mil pontos.

O Inpe também apontou que, em agosto, a Amazônia teve 7,6 mil focos de queimada, um recorde para qualquer mês desde o início do monitoramento, em 1998.

FONTE: ÉPOCA

Leia também
Meio Ambiente

Ibama usou 55% do orçamento de combate a queimadas

Pantanal e Amazônia enfrentam recordes de incêndios. Em 2020, ano com recordes de queimadas, o Ibama executou 55% dos …

Há 1 semana atrás - 68
Meio Ambiente

Teiú é flagrado na Avenida Marginal em Ituiutaba

Um cinegrafista amador capturou um teiú, andando pela avenida marginal na manhã deste sábado. Relatos que esse animal …

Há 1 mês atrás - 722
Meio Ambiente

Turbidez de água reduz a 87% após fechamento de garimpo ilegal no Jequitinhonha

O Rio Jequitinhonha nos traz a riqueza, que é a água. Onde estamos hoje, a água é o …

Há 4 meses atrás - 436